Receba as postagens por e-mail

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

Cardiac Hemodynamics Abnormalities Induced by Intermittent Left Bundle-branch Block: A Case Report

Cardiac Hemodynamics Abnormalities Induced by Intermittent Left Bundle-branch Block: A Case Report.
Nestor Oliveira Neto , George C. Fonseca , Gustavo G. Torres , Luciano P. Pinto , Fabio Mastrocola, William Santos R. De Oliveira , Maria das Neves Barros.
Cureus 10(1): e2090. DOI 10.7759/cureus.2090

Neste relato, apresentamos um caso de uma paciente com IC com FE reduzida, BRE intermitente, CF III da NYHA, que foi submetida a implante de ressincronizador (marcapasso biventricular). Durante a avaliação, observamos que o ECG, quando o marcapasso era inibido ou programado em AAI, apresentava alternância entre BRE e ritmo com QRS estreito. Então, realizamos ecodopplercardiograma sob três condições: ritmo sinusal e BRE, ritmo sinusal e QRS estreito e sob estimulação biventricular. Esta foi uma oportunidade para observar o efeito prejudicial que o BRE causa na função do VE, notadamente nos intervalos sistólicos e diastólicos do ciclo cardíaco, o que é atenuado após a sua reversão para um ritmo com QRS estreito, bem como sob estimulação biventricular. A instalação de BRE agudamente causa encurtamento da duração da diástole, aumento do período pré-ejetivo (PPE), aumento do tempo de contração isovolumétrico (TCIV), aumento do índice de Tei e redução do volume sistólico (VS) e do débito cardíaco, quando comparado ao ritmo próprio com QRS estreito ou estimulação biventricular. Agudamente, não observamos alterações na fração de ejeção do ventrículo esquerdo.

VEJA O ARTIGO COMPLETO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário